Sobre: Ligações, Cafés e Poemas Espanhóis

Tomando um café de 7.90, de costas para uma avenida, de frente para uma mulher de cabelos brancos.

– Anseio por uma ligação sua!

Ônibus lotado numa garoa fina com a Av. Paulista parada.

– Anseio por uma ligação sua!

Leio um livro de poemas espanhóis; O sol da tarde, de Adriana Lagrasta. Passo o olho em oito poemas e depois escrevo uma poesia sobre “você”.

– Anseio por uma ligação sua!

No fim da noite estou de pé em frente ao vidro de sua sala com as mãos nos bolsos: só esperando achar teus olhos.

– Desapeguei das ligações que nunca vieram!

2 comentários sobre “Sobre: Ligações, Cafés e Poemas Espanhóis

Comente sobre isso

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s