Bate papo com a dona lua

Os pés se embolam nos passos vagarosos e certeiros. As mãos esbarram na fresta de minhas digitais fazendo com que metade de mim se sinta acolhida.

Às vezes me pego pensando no timbre da sua voz e no poder que seu sotaque francês exerce sobre sim, e então posso repousar meus ombros cansados no colo que tanto acalenta minhas fragilidades.

Hora gosto de você de uma maneira diferenciada, posso até sentir meu peito chiar de forma prazerosa toda vez que te pego sorrindo a toa. Hora penso nas horas em que gastei falando com a lua sobre sua suposta chegada.

Você observa as ruas com os cílios colados em janelas de plástico e tudo o que eu posso pensar é… O que é felicidade?

 

Comente sobre isso

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s