Maratone-se #1

Chuva pela manhã e cartas eletrônicas.

Os pés descobertos e a calça de costura torta.

Mãe. Ferro quente. Roupas de seis meses acumulada.

Blusa suja de gorfo infantil e urso de pelúcia na imagem de leão.

Três telefones tocam simultaneamente.

Vinte e uma páginas sobre direitos humanos para quarta-feira.

Ser sociável no Instagram.

Úlcera.

Dor de dente.

Cólica.

Gato miando de fome e cadarços cheios de nós.

Polvo com batatas na geladeira. Salmão com molho de maracujá; almoço de domingo.

A Thammy Miranda não possui mais o artigo (A) antes do nome; minha mãe crítica.

Desodorante e capas de Ipod que não servem.

Goteiras nas calhas das ruas numa avenida que possui: CASAS BAHIA.

Namorada menstruada e chata e irritada e sensível e carente e causadora de brigas.

O papel higiênico acabou.

Dentro do prato; patê de atum de três dias.

Não há vinho barato ou cerveja quente para beber.

A coluna dói de forma infernal e queima como o inferno na terra.

Infelizmente a maconha acabou a mais de uma semana.

(CINZEL) – GRAVEM ESSE NOME!


maratone-se

2 comentários sobre “Maratone-se #1

Comente sobre isso

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s