Vassouras pretas

O ar me falta até quase meus olhos saltarem para fora de meus buracos, sinto o cérebro sambar de forma torta dentro de uma enorme superfície, posso sentir a temperatura que as sombras possuem quando estão prestes a te arrastar para a morte. Caio então, em poços construídos pela repetição das causas. Boca seca, mãos congelantes, arrasto o dorso por debaixo de pele morta.

Catracas com luzes de acesso verde não combinam com vassouras da cor; preta.
Escadas rolantes cuspindo uma pequena partícula de esfinge; branca.

Antes de parafusar-me ao chão, avisto um par de olhos envergonhados de si enquanto traja um cabo de vassoura. As mãos pousadas ao cabo? Pretas como coisa ruim.

Gritos agoniados e desesperados mastigados por humanos que transam sem consentimento com pecados invioláveis.

– PARA A ESCADA. PARA A ESCADA. PARA A ESCADA.

Se tivessem gritado: PAREM A ESCADA. Ninguém agora teria sido encochado no rabo.

Papéis usados por úteros e por orifícios são catados do chão com mãos de borracha amarela. O suor escorre para bem perto das sobrancelhas por fazer. A barriga fica a deriva por cima de um elástico desengonçado. Botinas pretas. Toca branca e slogan de empresa na cor branca, só pra combinar com a cor do papel que entope as privadas.

Minhas forças pendem. Tento então não me engasgar com meu próprio édipo. As dores ocorrem de forma natural e gradual. Fração por fração e então padeço assassinada pelas horas.

Bancos vazios a minha direita. Bancos vazios a minha esquerda. Eu, sozinha no centro com meu último fôlego apontando para a morte mais breve, talvez por vergonha de mim, talvez por medo de mim no outro, talvez pelo receio e pelas fragilidades psicológicas carregadas por minha cor; preta.

Preta vassoura. Vassoura preta.
No banheiro catando merda; preta.
No lado de fora da catraca da faculdade; preta.
No lado de dentro da estação com pessoas aglomeradas; preta.
No banco sozinha cercada por corpos em pé; preta.

Preta vassoura. Então também vassouras pretas em minhas mãos?

2 comentários sobre “Vassouras pretas

Comente sobre isso

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s