Os 5 erros que todo escritor comete na hora de divulgar seu trabalho através do Facebook

Os 5 erros que todo escritor comete na hora de divulgar seu trabalho através do Facebook

Recentemente eu resolvi voltar para o Facebook e sondar o que estava acontecendo no universo literário por lá. Nessa, acabei entrando em diversos grupos de escritores e me deparei com a mesma coisa em TODOS eles. Os escritores, sempre cometem os mesmos erros na hora: de divulgar o seu livro; quando está tentando atrair mais leitores; ou postando um texto do qual ele acabou de escrever. Então, resolvi escrever sobre os 5 erros mais comuns que os escritores cometem e como você escritor, pode evitá-los, caso você utilize esta mídia para divulgar seu trabalho.

Não conhecer seu público-alvo

Muitos escritores apenas jogam seu trabalho por aí, sem se preocupar com quem será atingido por ele. Ao postar sobre um novo texto ou um novo livro, muitos escritores acabam publicando em seus perfis pessoais e marcando amigos e familiares, ou mesmo se não marca ninguém, apenas publicam e ficam sentados aguardando aquela chuva de likes que nunca chega. Nos grupos voltados para escritores não é diferente, todos eles postam seu trabalho em grupos para escritores e esquecem de um detalhe simples: escritor não lê escritor, quem lê escritor é leitor. Ressalvo aqui que não estou generalizando, claro que existe escritor que lê escritor, mas a grande maioria não os faz. Então, é preciso saber: Qual é o gênero da minha escrita? Quem gosta de ler este gênero? Onde estão as pessoas que gostam desse gênero?

Agora que eu sei quem lê o tipo de coisa que eu escrevo, como eu posso apresentar para essas pessoas o meu trabalho? Se você se questionar sobre estas 4 perguntas, te garanto que você irá atrair mais visibilidade para as suas publicações.

A importância das imagens

O ser humano é um ser muito visual. Nós preferimos ver uma imagem do que ler um texto. Mas, muitos escritores não se atentam a essa informação. Quando um escritor publica alguma coisa utilizando uma foto, ele simplesmente pega uma foto qualquer na internet e não se preocupa em utilizar uma imagem de qualidade de um banco de dados especifico para isso. Sempre são aquelas imagens sem nitidez, cheia de frases coloridas que não combinam com a temática da foto, aquelas fontes ilegíveis e etc… Eu aconselho a você mesmo fazer as suas próprias fotos, principalmente se ela for do seu livro. Para textos aleatórios, você pode utilizar esse site aqui: Pixabay.com para baixar algumas imagens de maneira gratuita e tornar ainda mais atrativo as suas publicações.

Conteúdos que foquem no seu trabalho

Postar seus poemas, contos, crônicas e etc… é muito bacana, porém, chega uma hora que as pessoas acabam enjoando disso tudo e querem alguma novidade. Por mais que os seus leitores te indiquem, te acompanham e compartilhem o seu conteúdo, isso ainda não é o suficiente para conseguir novos leitores ou levar seu trabalho a outro nível. Ao compartilhar diferentes conteúdos, como por exemplo: ao invés de postar só sobre seus textos, publique uma vez ou outra alguma resenha, indique um escritor que você conheceu, escreva um artigo com dicas para quem também escreve, poste uma foto e conte a história daquela imagem, compartilhe uma informação bacana sobre literatura, e assim por diante. Mescle esse tipo de conteúdo na sua Fanpage, no seu Blog, nos seus E-mails, no seu Instagram ou qualquer outra mídia que você utiliza.

Utilizar um link completo ao invés de um encurtador

Sabe aquele texto incrível que você escreveu no seu blog ou na sua fanpage e que você precisa mostrar ele pra todo mundo? Ao compartilhar esse post dentro do facebook, esse post vai com o link completo da postagem, como por exemplo: https://aestranhamente.com/2019/02/17/eu-fragmentada-15/ Percebe como este link é muito extenso e ninguém vai sentir vontade de clicar num link desse tamanho? Ao invés disso tudo, é possível deixá-lo assim: bit.ly/EuFragmentada. Percebe a diferença? Pra fazer isso é simples e rápido, basta apenas acessar o site: https://bitly.com e se cadastrar com seu e-mail, conta do Google ou Facebook.

Não responder mensagens e comentários

Esse é um erro crucial que muitos cometem. Quando um leitor deixa uma mensagem na caixa de entrada ou mesmo faz um comentário em alguma postagem, os escritores não respondem e deixam o leitor no vácuo. Isso é algo prejudicial, pois ninguém gosta de ficar falando sozinho! Se alguém te fez uma pergunta, crítica, sugestão ou até um elogio na sua postagem: interaja com essa pessoa, agradeça, e se aplique para melhorar caso alguém tenha feito alguma crítica com relação ao que você escreveu. Eu sei que notificações são extremamente chatas, mas deixe ativada a notificação daquela sua postagem que teve mais interação, assim você não vai perder nenhum novo comentário e seus leitores sempre terá um contato mais rápido e direto entre vocês.

Se você está acostumado a fazer estas 5 coisas que eu listei acima, repense suas estratégias para entregar um conteúdo de qualidade para as pessoas que te acompanham.


Gostou das dicas? Me conte o que você costumar fazer quando posta alguma coisa no Facebook. Tem uma fanpage? Marca ela aqui nos comentários pra eu poder conhecer. Conhece alguém que é escritor? Compartilha esse artigo com ele.

12 comentários sobre “Os 5 erros que todo escritor comete na hora de divulgar seu trabalho através do Facebook

  1. As dicas são específicas para os literatos, mas, na verdade, elas vão de encontro a todos aqueles que, de uma forma ou de outra, tentam se comunicar com grupos sociais e, às vezes, se frustam por não conseguirem seus objetivos. Me coloco neste grupo e confesso que as dicas me ajudaram a pensar melhor os conteúdos e seus destinatários. Grato pela partilha!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Essas são dicas muito interessantes. A Comunicação escrita requer reciprocidade. Hoje, mais do que nunca, as pessoas querem ser ouvidas, anseiam por interação. Daí que produzir conteúdo de qualidade, compartilhar conteúdos de outras pessoas, responder comentários é, de fato, fundamental, para atrair mais audiência. Infelizmente, algumas pessoas que vivem da escrita se esquecem disso.

    Curtir

    1. Verdade Luiz. Há tanto anseio pela visibilidade, pela notoriedade e reconhecimento, que os escritores esquecem que ser escritor é ser como as formigas. Pequenos passos, grandes gestos, excelentes resultados.

      Seja bem vindo e tenha um excelente dia.

      Curtido por 1 pessoa

    1. Fico feliz em saber que as dicas puderam te ajudar de alguma forma Ricardo. Aliás, tenho um grupo no Facebook exclusivo para escritores onde posto dicas de escrita criativa e compartilho informações a respeito do universo literário.
      Procure pó Impulsiona Literatura e vem fazer parte do grupo e compartilhar seu trabalho conosco!

      Curtido por 1 pessoa

Comente sobre isso

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s