Saci Pererê: Contos Aterrorizantes de, Rodrigo Picon

Domingo, hora do almoço.

A barriga vazia, o mal estar do corpo, a cama convidativa, a companhia ao lado…

Tudo pedia por uma leitura de contos. Abri então o Kindle, folheei pela tela, busquei por novidades…

Saci Pererê: Contos Aterrorizantes, uma adaptação do autor Rodrigo Picon, a partir de um dos livros clássicos do também escritor, Monteiro Lobato. Aqui, nesta obra, Rodrigo nos presenteia com um tom macabro, fugindo dos padrões ao qual a história original está acometida. Aqui o abandono das histórias infantis/folclóricas, passa a tramitar por uma linha de perversidades, misticismo e lendas urbanas.

— Então, deve ser aqui que o Saci está. Se aqui é o símbolo do poder escravocrata e sendo o Saci um escravo morto pela escravidão, ele deve estar por perto. Vamos!

O autor nos compõe, cinco contos com personagens e narrativas diferentes, tendo como pano de fundo a aparição do monstro Saci Pererê na noite do dia 31 de outubro, dia este que assola diversos moradores de Larital, uma pequena cidade do interior de Minas Gerais.

O Saci Pererê é, sem sombra de dúvidas, o mito popular mais conhecido do Brasil. Todo mundo conhece o rapaz negro, de uma perna só, com gorro na cabeça e usando somente bermuda, na qual faz traquinagem por onde passa. O mito do Saci, ficou ainda mais popular, após passar pelas mãos de Monteiro Lobato, em especial nas adaptações do “Sítio do Picapau Amarelo” e no livro “Saci Pererê: Resultado de um Inquérito”, que completa seu centenário em 2018, sendo este o primeiro livro a tratar o mito do Saci.

Neste livro, contudo, o Saci é visto como um ser diabólico, maquiavélico, que sequestra e mata pessoas para satisfazer uma antiga vingança pessoal, de quando o monstro ainda era vivo.

O monstro se sujou de sangue, enquanto fez uma poça sobre os lençóis. Olhou para Bernardo, retirando-o de sua paralisação. Soltou um pequeno riso diabólico e apontou a faca na direção ao garoto. Em seguida, saltou, caindo no chão ao lado da cama.

Eu lia veloz! Uma adaptação para a contemporaneidade, com diálogos, cenas e narrativas atuais. Rodrigo Picon, trabalha de forma simples e fácil, tornando “Saci Pererê: Contos Aterrorizantes” um livro gostoso e convidativo.

Quando pensamos em histórias infantis, sempre damos a elas tons coloridos e sentimentos de esperança. Mas, ao ler esta obra de Rodrigo, tudo aquilo que conhecemos ou já ouvimos falar, obtém outro panorama com um final, nada feliz.

Cinco histórias. Diversos personagens. Aqui claramente, temos o Saci não só como personagem principal, mas também refletimos sobre as relações humanas e como lidamos com a sociedade de um modo geral, ao nos depararmos com a dor, medo, insegurança e um novo nascimento.

Onde comprar o livro:

Amazon

Rodrigo Cesar Picon de Carvalho é advogado, escritor, poeta e jurista. Autor desde os cinco anos de idade, escreveu seu primeiro livro “O Massacre em Violenttown” em 2010, sendo publicado em dezembro do ano seguinte. Após a escrita deste livro e percebendo a facilidade em escrever contos do gênero terror, passou a escrever inúmeros contos do gênero, criando, dentre outros, o mito do Saci como monstro do terror, o serial-killer “Nick Virago”, o genial detetive Guilherm Friederich Fritz e o palhaço Boguinho. Escreveu posteriormente “Um Olhar entre Dois Poetas”, com sua noiva, a poetisa Carla Discila Detomi e “Saci Pererê: Contos Aterrorizantes”, em 2018. Como advogado, Picon é autor do livro “Direitos Difusos e Coletivos Comentado”, “Código Penal Comentado” e de inúmeros artigos sobre Direito Penal, Direitos Difusos e Coletivos e Arbitragem. O autor vive atualmente em São João del Rei, interior de Minas Gerais.


Para acompanhar a carreira do escritor Rodrigo Picon, acesse:

InstagramFanpageTwitterRecanto das letrasYoutube

2 comentários sobre “Saci Pererê: Contos Aterrorizantes de, Rodrigo Picon

Comente sobre isso

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s