O diálogo cordelístico e a literatura brasileira

Você já ouviu falar sobre Literatura de Cordel? Se a resposta for sim, que tal aprender sobre tradição, diálogos e atuação num curso voltado exclusivamente para o cordel brasileiro…

A Biblioteca Parque Villa Lobos e a Biblioteca São Paulo, estão disponibilizando gratuitamente um curso de cordel, voltado para escritores e interessados.

A literatura de cordel, também conhecida como folheto, aqui no Brasil é um tipo de poesia popular que é impressa e divulgada em folhetos. Suas imagens são feitas através da xilogravura, um gênero literário popular, que existe em outros países além do Brasil. O nome literatura de cordel tem origem na forma como esses folhetos são vendidos, eles normalmente são pendurados em barbantes, cordas ou cordéis. Por isso o nome Literatura de Cordel.

Literatura de Cordel

O curso irá apresentar o processo histórico do cordel brasileiro bem como seus elementos constitutivos, principais autores e gerações, e a geografia política de aparecimento do cordel no território nacional. Tem o objetivo de favorecer aos participantes a compreensão da singularidade da Literatura de Cordel e observar criticamente o diálogo cordelístico com a literatura brasileira, com as artes visuais, com o cinema e o teatro, com a música e com outras artes, além de incentivar a leitura e produção literária, a partir dos conceitos trabalhados nos encontros.

Quando vai rolar:

Quartas e sextas-feiras, dias 9, 11, 16, 18, 23 de outubro, das 14 às 18 horas + duas horas não presenciais

Quem vai ministrar:

Aderaldo Luciano dos Santos

Quanto vale no total:

Carga horária total: 22h

Como se inscrever:

A partir do dia 10 de setembro

Histórias de cordel

A mesma oficina vai acontecer na Biblioteca São Paulo

Nos dias:

Sábados, 19 de outubro, 9 e 30 de novembro, 7 de dezembro, das 13 às 18 horas + duas horas não presenciais.

Inscrições:

A partir do dia 19 de setembro

EXTRA

Quer conhecer mais sobre a literatura de cordel? Então conheça O Acervo de Literatura Popular em Versos da Fundação Casa de Rui Barbosa, o maior da América Latina. Mais de 9.000 mil títulos pra você ler e compartilhar gratuitamente.  

O acervo está disponível para consulta online por meio de suas referências catalográficas, que podem ser consultadas por índices, como o de autor, título, assunto, local de publicação, editora/tipografia, data, gênero literatura de cordel, na base de dados da Biblioteca.

Um comentário sobre “O diálogo cordelístico e a literatura brasileira

Comente sobre isso

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s