Pensão alimentícia

Uma mãe chora com seu filho no colo no calor de setembro.

O menino, silencioso, observa seu próprio reflexo cabisbaixo em uma das portas do vagão.

Ao redor, pessoas perdidas rumo a suas felicidades nada utópicas. Continuar lendo “Pensão alimentícia”

Mãe, eu sou lésbica e parcialmente feliz.

Lembra aquele dia que você me obrigou a usar um vestido justo e curto e verde de alças finas, e eu chorei como se o mundo fosse acabar numa morte trágica e fatídica, então, mãe?

Continuar lendo “Mãe, eu sou lésbica e parcialmente feliz.”

Puta, mãe e do lar

– Mamãe, você vai ficar fora a noite toda hoje de novo?

Doralice, com lágrimas nos olhos, ajoelha-se em frente a Clarinha e beija sua face.

– Sim, minha abelhinha. Mamãe vai ter que ir trabalhar hoje de novo, mas não se preocupe, assim que os primeiros raios de sol apontarem no céu, eu estarei de volta para você, ok?

– Promete?

– Claro, meu amor! Alguma vez a mamãe já deixou de voltar pra você?

– Não. Mas mesmo assim. Eu odeio quando você tem que ir… Continuar lendo “Puta, mãe e do lar”